Mesmo desfalcado, Vilhena vence União Cacoalense no Portal da Amazônia

Odair Araujo | segunda-feira, março 24, 2014 | 0 comentários

Sandro (11) estreia com gol no Vilhena
Apesar de jogar desfalcado, o Vilhena venceu na noite deste domingo, 23, por 3 a 1, o União Cacoalense pela sexta rodada do Rondoniense Chevrolet 2014.
O público pequeno no Portal da Amazônia, estimado em pouco mais de 500 pessoas, viu o Lobo abrir o placar aos 37 minutos da etapa inicial. Marinho recebeu cruzamento e chutou forte da entrada da grande área, o goleiro Adeilson deu rebote e Roallase balançou as redes do Cacoalense.
O público também viu o Edilsinho deixando Roallase na cara do gol logo aos 7 minutos da etapa final. E o árbitro da partida viu o zagueiro Rodrigo segurando o atacante vilhenense dentro da área. Pênalti marcado, segundo cartão amarelo dado e Rodrigo no Chuveiro mais cedo.
Edilsinho marcou o segundo de pênalti
Edilsinho marcou o segundo de pênalti
O camisa 10 do Lobo bateu a penalidade máxima sem chances de defesa para o goleiro cacoalense e ampliou a vantagem.
O público viu o lateral Maycon ser expulso aos 18 minutos, e 1 minuto depois, viu Sandro, estreando com a camisa 11 do Lobo, marcar o terceiro gol e comemorar com Alex Sorocaba que fez toda a jogada pela esquerda do ataque o deixando na cara do gol.
Também viu e aplaudiu, quando o treinador Marcos Birigui anunciou a entrada do prata da casa “Perereca”, que embora não tenha tido muito tempo, fez boas jogadas.
Roallase abriu o placar para o Lobo
Roallase abriu o placar para o Lobo
O público no Portal ainda viu a pequena torcida de Cacoal, cerca de 5 torcedores, soltarem fogos e comemorarem muito o gol marcado por Ailton, aos 34 minutos da etapa final.
E o público já vai ver o Vilhena em campo novamente na próxima quarta-feira, 26, quando o Lobo enfrenta o Genus, no estádio Portal da Amazônia, às 19h30. Já o time do técnico Simônio, folga na próxima rodada.
Fonte: Esporte Vilhena
Autor e Fotos: Rogério Perucci


COMPARTILHE O VILHENA-HOJE

Category:

0 comentários

CADA PESSOA SE RESPONSABILIZA PELO QUE FALA.