VIROU MODA: MAIS UM PASTOR PRESO POR ESTUPRO.

Odair Araujo | terça-feira, outubro 01, 2013 | 0 comentários



Pastor é flagrado abusando de fiel dentro de seu carro em via pública na Zona Norte de Porto Velho

Menor de 14 anos pegou carona e foi obrigada a manter relações com pastor

abuso-sexualN



a noite deste domingo (29), o Pastor Curtis A. L. G. de 47 anos, da Igreja Água Viva de Porto Velho, foi preso em flagrante acusado pelo crime de estupro de vulnerável, estipulado no art. 213 § 1º do Código Penal, o suposto crime ocorreu na avenida Jorge Teixeira, Zona Norte da capital.

Uma guarnição da Polícia Militar que fazia patrulhamento de rotina pela avenida Lauro Sodré percebeu que um veículo de modelo Classic estava parado na direção oposta do acostamento, momento este em que a Patrulha decidiu realizar uma abordagem no veículo, mas o condutor partiu com o carro do local no mesmo instante em que avistou a viatura da PM.

A guarnição deu diversas ordens de parada, mas o motorista se negava em obedecer e foi quando a patrulha resolveu fechar o espaço da via para que o carro parasse, posto que ambos já tinham chegado na avenida Jorge Teixeira, próximo do Aeroporto.
Na hora da abordagem saiu do carro apenas um homem que se identificou como pastor da igreja evangélica Água Viva. Os policiais perguntaram para o homem se ele estava sozinho no veículo e o mesmo respondeu que estaria com a sua namorada dentro do carro. Foi feito uma abordagem minuciosa no veículo para ver se o homem portava algo de ilícito, mas nada de ilegal foi encontrado além de uma calcinha preta que estava em baixo de seu banco. Foi perguntado para a adolescente qual a sua idade a mesma respondeu que tinha 14 anos e foi-lhe perguntado também de quem seria aquela calcinha encontrada no carro e a menor falou que era sua e então resolveu contar tudo o que tinha realmente acontecido dentro do carro para os policiais.

A menor A. L. C. B. O. de 14 anos relatou que o pastor Curtis iria lhe levar em casa depois do culto, mas resolveu mudar o caminho alegando que lhe daria o que quisesse se ela praticasse sexo com ele e que ela poderia até chamar sua amiga de iniciais S. L. que também é menor para participar do ato. A menor alega que resistiu as investidas do pastor e foi neste momento que o pastor conseguiu arrancar a sua calcinha, mas mesmo a menor resistindo ele ainda forçou ela a fazer sexo oral nele agarrando em seus cabelos enquanto sua outra mão acariciava suas partes íntimas. A menor falou que foi neste momento que o pastor percebeu a chegada da viatura e resolveu parar com o estupro saindo com o carro e lhe ameaçando a todo instante de lhe matar se ela contasse o que tinha acontecido, só parando então quando a PM lhe abordou próximo do Aeroporto.

O pastor pediu por tudo que é mais sagrado para que a guarnição da PM não fizesse nada, pois ele é um homem de Deus e que sua esposa não aprovaria tal atitude.


Todos foram encaminhados para a Central de Polícia e os familiares da menor foram acionados para tomar ciência do caso. A esposa do pastor compareceu na Central e, ao saber dos detalhes sórdidos do ocorrido, somente pegou as chaves do veículo e foi embora sem dar uma palavra com seu marido.

O delegado encaminhou o inquérito para a Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA) e manterá o pastor preso e a disposição da justiça no Presídio Pandinha pelo crime de estupro.

Fonte: RONDONIAVIP

Category:

0 comentários

CADA PESSOA SE RESPONSABILIZA PELO QUE FALA.